chique e barato

A especialidade da paulista Melting Burgers é criar um hambúrger premium com preço acessível

Faz tempo que as hamburguerias não são exatamente um negócio original. Apenas em São Paulo, existem mais de 400 casas do tipo, segundo o mais recente levantamento da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes, feito no final de 2018. Ainda assim, é possível encontrar uma fórmula para se destacar nesse setor — e um bom exemplo é a Melting Burgers, que faturou R$ 7 milhões no ano passado. 
A receita do negócio é simples: vender hambúrguer gourmet, mas economizar no “jeitão” dos restaurantes para que o preço final do lanche seja acessível. “Apesar de estar em quase todas as grandes cidades do país, as hamburguerias premium são pouquíssimo inclusivas. Era nessa falha que eu queria trabalhar”, diz Michel Thomé, 35, que fundou a Melting Burgers com a esposa, Marcela Tarraf, 32, em São José do Rio Preto (SP), em 2013.

Gostou? Para ter acesso a essa reportagem completa e ao conteúdo integral da edição,
acesse a Pequenas Empresas & Grandes Negócios pelo aplicativo Globo+, que está disponível na Google Store e na iTunes Store. 

GoogleStore.png
AppStore.png
Logo-Novo-Finalizado---Sem-fundo.png