Inovação na dose certa

Uma experiência familiar levou Rafael Torres a se registrar como MEI e criar um equipamento inovador, que controla a ingestão de remédios

Para idosos ou pacientes com doenças crônicas, organizar a tomada de diferentes medicamentos ao longo do dia é uma tarefa ingrata. Qualquer erro pode ser desastroso — repetir remédios ou esquecer de tomá-los pode comprometer o tratamento e causar efeitos colaterais indesejáveis. Rafael Torres, 36 anos, experimentou o problema ao ajudar o pai a tomar seus medicamentos para a doença de Parkinson. “Entendi o quanto as famílias sofriam com isso, e percebi que a dificuldade poderia se tornar um negócio”, diz Torres, que na época cursava design de produto na Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Gostou? Para ter acesso a essa reportagem completa e ao conteúdo integral da edição,
acesse a Pequenas Empresas & Grandes Negócios pelo aplicativo Globo+, que está disponível na Google Store e na iTunes Store. 

GoogleStore.png
AppStore.png
Logo-Novo-Finalizado---Sem-fundo.png